A Índia Intelectual: Razão, Identidade e Dissenso / Intellectual India: Reason, Identity, Dissent

Jonardon Ganeri

Resumo


Resumo

 

A ‘ideia de Índia’ é uma ideia aberta, assimilativa, de caráter bem amplo, capaz de abarcar uma pluralidade de vozes, ortodoxas e dissidentes, pertencentes a diversas épocas, regiões e filiações. As identidades modernas da Índia presentes na diáspora global e na própria Índia podem evocar todas essas vozes e tradições, repensá-las, adaptá-las e modificá-las; podem fazer uso dos instrumentos da razão que elas colocam ao seu dispor, a fim de deliberar corretamente sobre o que ser, sobre como se comportar e sobre os pontos que requerem consenso. Situa-se aqui o caráter fundamental da liberdade que não deveria jamais se render às percepções de caráter estreito e paroquial sobre o que é a Índia.

 

Palavras-chave: Filosofia Indiana; Razão; Argumentação; Upani?ads; Ny?ya

 

 

Abstract

 

The “idea of India” is an open, assimilative, and spacious one, sustaining a plurality of voices, orthodox and dissenting, from many ages, regions, and  affiliations. Modern Indian identities in the global Diaspora, as much as in India itself, can call upon all these voices and traditions, re-think them, adapt and modify them, use the resources of reason they make available in deliberation about who to be, how to behave, and on what to agree. That is a fundamental freedom, one which ought not to be surrendered in binding oneself to narrower, constricted understandings of what India is.

 

Keywords: Indian Philosophy; Reason; Argument; Upani?ads; Ny?ya

Texto completo:

PDF